Bispos › 19/11/2016

Dia dos Cristãos leigos e Leigas

Dom Remídio José Bohn – Bispo da Diocese de Cachoeira do Sul 

Neste domingo, festa de Cristo Rei, último domingo do ano litúrgico, comemoramos o Dia Nacional dos Cristãos Leigos. Essa data foi definida no ano de 1991, em continuidade com a tradição da Ação Católica que realizava a renovação das promessas batismais e refletia sobre a missão dos leigos.Corresponde também a um dos compromissos assumidos no documento 105 (CNBB), aprovado na última Assembleia Geral, que incentiva as comunidades a “celebrar o Dia Nacional dos Cristãos Leigos e Leigas na solenidade de Cristo Rei, a cada ano”.

É o justo reconhecimento para as pessoas que sãocorresponsáveis na construção da sociedade segundo os critérios do Evangelho, em comunhão com os seus pastores. Pessoas chamadas, segundo o concílio Vaticano II, a tornar a Igreja presente e ativa nos lugares e nas circunstâncias onde somente por eles pode atuar o sal da terra.

Dentro da comunidade eclesial,desempenham diversas tarefas, como Catequistas, Ministrosda Comunhão, da Palavra e da Esperança e participam afetiva e efetivamentenas diferentes pastorais, serviços e movimentos. Colaboram também no governo paroquial e diocesano, participando de conselhos pastorais e econômicos.

Na família, no trabalho, na escola, no mundo da política e da cultura, nos movimentos populares e sindicais, nos meios de comunicação, testemunham pela palavra e pela vida a mensagem de Jesus Cristo. Tornam a Igrejapresente nos diversos ambientes sociais, impregnando-os da mensagem de Jesus Cristo, semeando os valores evangélicos da solidariedade e da justiça, empenhando-se decisivamente na construção da sociedade justa, fraterna e solidária, sinal do Reino de Deus.

Com muita esperança observamos o crescimento da tomada de consciência por parte de muitos (as) que compreendem essa índole específica de sua missão.Essa se torna cada vez mais evidente com a promoção de um laicato amadurecido, responsável com a missão de anunciar e fazer visível o Reino do Senhor. Sob esta ótica, estamos organizando em nossa Diocese o Conselho Diocesano de Leigos.

Ao manifestar minha gratidão, admiração e felicitações a você,irmão e irmã, me unoàs palavras animadoras do documento 105: “É com alegria e admiração que, mais uma vez, nós bispos, pastores da Igreja de Cristo, expressamos nosso agradecimento aos cristãos leigos e leigas, pelo testemunho de sua fé, pelo amor e dedicação à Igreja e pelo entusiasmo com que se doam ao nosso povo, às nossas comunidades, às suas famílias, às suas atividades profissionais, até ao sacrifício de si”.

Cristo, Rei do Universo, que veio instaurar o novo Reino de Amor entre nós, pelo exemplo de servir e dar sua Vida, seja sempre o modelo de nosso fiel seguimento!

 

 

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.