Notícias › 21/11/2017

Diocese de Bagé realiza Assembleia da Ação Evangelizadora

Bagé fotoA diocese de Bagé realiza Assembleia da Ação Evangelizadora, nos dias 17 a 18 de novembro, no Instituto Diocesano de Pastoral São José, em Bagé (RS). Segundo o coordenador diocesano de Pastoral, padre Airton Gusmo, o primeiro dia da assembleia foi dedicado para retomar o Plano de Pastoral Diocesano com suas cinco urgências, partilha das paróquias e Celebração Eucarística, presidida por dom Gílio Felício, bispo diocesano. O sábado, dia 18, pela manhã, após apresentação de uma síntese das partilhas das paróquias houve uma reflexão sobre o Ano do Laicato, assessorado pelo jornalista Judinei Vanzeto, do Regional Sul 3 da CNBB. À tarde, padre Cesar Leandro Padilha, secretário executivo do Regional Sul 3, apresentou a Ação Evangelizadora: “Cada comunidade uma nova vocação”.

O acontecimento reuniu agentes que atuam nas paróquias, presbíteros, diácono e bispo. Representantes da vida religiosa, coordenações das Áreas Pastorais, Pastorais Diocesanas e dos Movimentos Eclesiais organizados na Diocese, Diretoria do Santuário Diocesano de Nossa Senhora Conquistadora, Diretoria da Ação Social Diocesana, seminaristas, Rede de Comunidades dos Assentamentos Santo Isidoro, Instituto Cultural Padre Josimo, assessoria e pessoas convidadas pela Equipe de Coordenação.

De acordo com dom Gílio, a Assembleia por graça e obra de Deus foi um momento muito importante. “De todas as paróquias, as regiões, vieram representantes que trouxeram muita riqueza, que foi compartilhada e celebrada. As riquezas geraram um compromisso que fortalece a caminhada de nossa família diocesana”, avaliou o prelado.

Ano do Laicato

O Ano do Laicato é fruto do Documento 105 e tem por tema: “Cristãos leigos e leigas, sujeitos na ‘Igreja em saída’, a serviço do Reino” e o lema, como já dissemos: “Sal da Terra e Luz do Mundo” (Mt 5,13-14). O Ano do Laicato terá como objetivo geral: “Como Igreja, Povo de Deus, celebrar a presença e a organização dos cristãos leigos e leigas no Brasil; aprofundar a sua identidade, vocação, espiritualidade e missão; e testemunhar Jesus Cristo e seu Reino na sociedade. A abertura será 26 de novembro de 2017, Solenidade de Cristo Rei, à 25 de novembro de 2018, explicou Judinei.

Ação Evangelizadora: Cada comunidade uma nova vocação   

A ação é uma iniciativa acolhida, com entusiasmo, por todos os bispos dos três regionais do Sul do Brasil. Terá o seu marco inicial na próxima Quinta-feira Santa (dia da instituição do sacerdócio), 29 de março de 2018, passando pelo Sínodo, tendo na Jornada Mundial da Juventude (22 e 27 de janeiro de 2019, no Panamá) um momento forte, e um aprofundamento no Ano Vocacional de 2019 juntamente com o Congresso Vocacional Nacional e indo além, sem ter uma data oficial de fechamento.

Segundo padre Leandro, a Ação Evangelizadora: Cada comunidade uma nova vocação vai se desenvolver a partir de dois eixos:

1º Rezar pelas vocações: “Em todos os encontros/reuniões da Igreja começar ou terminar com uma dezena do rosário pelas vocações. Ex. Assembleias dos Bispos, Reuniões de Clero, Conselhos de Pastoral, Encontros da Catequese, Movimentos e Organismos. É importante recordar às pessoas a intenção da oração: pelas vocações.

2° Evangelizar pelas Redes Sociais. Publicar vídeos breves, densos de vida cristã-presbiteral-religiosa-laical (todas as vocações) nos meios de comunicação, interagindo com os Regionais, Arqui/Dioceses, Paróquias, Pastorais, Movimentos Eclesiais etc.

 

 

Por Judinei Vanzeto

Assessoria de Imprensa

Regional Sul 3 da CNBB

Foto: Pe. Domingos Rodrigues

 

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.