Notícias › 17/03/2017

Especialização em Juventudes – 2ª edição – Inscrição aberta!

O Curso de Especialização em Juventudes é uma proposta interdisciplinar que pretende capacitar educadores e profissionais diversos que atuam ou pretendem atuar junto a adolescentes e jovens. É uma promoção da Faculdade Dom Bosco de Porto Alegre, RS e contará com o apoio do Observatório Juventudes PUCRS. Será oferecido em 2017 e 2018 em sua segunda edição.

  1. Introdução

Vivemos um momento privilegiado no Brasil. Pela primeira vez o número de jovens ultrapassa o de outras faixas etárias, inclusive de crianças e adolescentes. Além de um dado estatístico, é um desafio e uma grande oportunidade. Mais que isto, o ano de 2016 mostrou diversas juventudes assumindo um papel de protagonismo, com resistência e esperança em diferentes cenários sociais e políticos em nosso país.

Grandes mudanças acontecem no mundo.  Edgar Morin diz que precisamos viver a esperança no meio de muita desesperança. Para tanto ele aponta seis grandes princípios que apontam os rumos para enfrentar os desafios.  São eles:

  • princípio vital: a vida sempre tem capacidade de regeneração;
  • princípio do inconcebível: a liberdade humana não é determinada, por isso é capaz de conceber o inconcebível;
  • princípio do improvável: o que hoje não tem nenhuma condição de acontecer, amanhã acontece;
  • princípio da salvação: onde há perigo, há salvação;
  • princípio da toupeira: grandes transformações estão sendo gestadas nos subterrâneos do mundo e em determinado momento aflorarão à superfície;
  • princípio antropológico: a capacidade humana de amar é muitíssimo maior do que o que vivemos hoje.

A vivência destes princípios é vital para quem quer entender os fenômenos juvenis visando a emergência de práticas que contribuam para a atuação mais eficiente e eficaz junto aos jovens contemporâneos.

  1. Objetivos Geral e Específicos

2.1. Objetivo Geral

Analisar e compreender as juventudes e os diferentes fenômenos a ela associados a partir de olhares multidisciplinares, buscando capacitar-se para realizar um trabalho junto à diferentes realidades na perspectiva do desenvolvimento de expressões juvenis de autonomia e protagonismo na contemporaneidade.

2.2. Objetivos Específicos

– Compreender os jovens e as juventudes a partir de uma perspectiva sócio-histórico-cultural;

– Analisar os contextos juvenis e suas relações com fenômenos e problemáticas contemporâneos, como a relação com as tecnologias digitais, afetividade, sexualidade e gênero, perspectivas de projeto de vida, educação e mundo do trabalho entre outros;

– Fortalecer o trabalho de organizações, entidades e instituições educativas que atuam na área das juventudes, pela via da qualificação dos seus recursos humanos;

– Conhecer e propor metodologias de pesquisa e intervenção juvenil na perspectiva da elaboração de projetos e na proposição e defesa de políticas públicas para a juventude;

– Contribuir para a qualificação de práticas pedagógicas na atuação junto às juventudes em diversas instituições;

– Fomentar a produção e a divulgação de conhecimentos sobre as juventudes contemporâneas.

  1. Público-alvo

Profissionais com graduação de nível superior que atuam com as juventudes: agentes e gestores do setor público e privado, fundações, igrejas e empresas que desenvolvem projetos com os jovens, assistentes sociais, educadores, professores e agentes de pastoral.

Saiba mais: http://faculdade.dombosco.net/curso/especializacao-em-juventudes-2a-edicao-pos-graduacao-latu-sensu/

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.