Bispos › 28/07/2017

Jovens protagonistas do Sínodo

Dom Hélio Adelar Rubert –Arcebispo de Santa Maria

“A Igreja quer ouvir todos os jovens, nenhum deles está excluído”. Com estas palavras o Papa Francisco incentivou os jovens do mundo inteiro na 32ª Jornada Mundial da Juventude, celebrada no Domingo de Ramos (09/04/2017), na Basílica de Santa Maria Maior em Roma. Na ocasião, dois jovens deram seu testemunho.

Uma jovem religiosa italiana da Puglia sublinhou a alegria de ser religiosa consagrada, de viver a sua vida plenamente para o Senhor, não obstante as dúvidas iniciais, as quedas e as dificuldades. A religiosa falou, sobretudo, sobre os meninos de rua aos quais ela se dedica. “Todos nós podemos sonhar e estamos unidos por uma única coisa: a necessidade de amar e ser amados. Agradeço ao Senhor, pois com esses filhos e irmãos posso experimentar tudo isso”, afirmou ela.

O Papa Francisco ouviu também com atenção o testemunho de Pompeu, jovem que quando criança viveu a experiência trágica do desabamento da escola em São Juliano, na Puglia, por causa do terremoto. Esta tragédia o colocou na cadeira de rodas e, não obstante, uma doença terrível que surgiu ao longo dos anos, não se dá por vencido:

– “Aquele sofrimento, aquela cadeira de rodas, me ensinaram a ver a beleza nas pequenas coisas e me recordam a cada dia o privilégio que tenho. A cada dia me ensinam a superar o desconforto e a agradecer a Deus por aquilo que tenho: minha família, meus amigos e também a paixão pela natação, graças à qual me tornei campeão italiano de natação. O desabamento da escola mudou a minha vida. Daquele dia em diante não tenho mais medo do futuro e do que a vida me reserva”.

No final de seu diálogo com os jovens, o Papa lhes deu a tarefa de conversar com os avós: “Esta é a tarefa que eu dou a vocês em nome da Igreja: conversar com os idosos. É enjoado, pois eles dizem sempre a mesma coisa! Não. Ouçam os idosos. Conversem. Façam perguntas. Façam com que sonhem. Depois, peguem aqueles sonhos e sigam em frente para profetizar e tornar concreta aquela profecia. Esta é a missão que a Igreja lhes dá hoje”.

Desta forma e outras, nossos jovens vão participando e construindo o Sínodo sobre os jovens em Outubro de 2018, com o tema: “Os jovens, a fé e o discernimento vocacional”.

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.