Notícias › 15/08/2017

Pastoral da Educação: oficinas para estudo em Rio Grande

A Pastoral de Educação da Diocese do Rio Grande iniciou no dia 10 de agosto, com a participação de 50 professores, o ciclo de Oficinas para estudar e debater temas emergentes em Educação e que atingem diretamente as escolas, professores e estudantes. A proposta visa atender ao pedido da Comissão de Educação e Cultura do Regional Sul 3 da CNBB, que desafiou as Pastorais de Educação Diocesanas a reunirem os professores católicos das escolas públicas e particulares na reflexão destes temas.

A equipe Diocesana propôs o estudo dos temas emergentes em quatro oficinas, assegurando assim, uma presença mais significativa da Igreja no mundo da educação de forma orgânica, metódica e sistemática. As oficinas terão o seguinte cronograma e temas:

10/8 – A cultura do encontro e da proximidade

14/9 – Educação: um processo integral e humanizador

18/10 – Pastoral da Educação e religação de saberes

16/11 – Protagonismo Juvenil: um desafio para as comunidades educativas

As oficinas acontecem no auditório do Edifício do Porto de Gale, mediados pela própria equipe diocesana e terá certificado de participação de 20h, contribuindo para a formação continuada dos professores inscritos. Os professores são de diversas escolas particulares católicas, estaduais e municipais. No dia 10/8, os 50 professores inscritos debateram o tema do Encontro e da Proximidade.RG educação

Para o Ir. Claudiano Tiecher, Coordenador da Pastoral de Educação na Diocese, o tema estudado na 1ª oficina, sinaliza a urgente necessidade de uma aproximação de qualidade entre o educando e o educador, que, conforme afirma o Papa Francisco, precisa favorecer o crescimento de três línguas que uma pessoa madura deve falar: a língua da mente, a língua do coração e a língua das mãos. Isso requer uma harmonia das três línguas, isto é pensar o que se sente e o que se faz; sentir bem o que se pensa e o que se faz; fazer bem o que se pensa e o que se sente, conclui, Ir. Claudiano.

A ideia é realizar um Seminário no final de novembro deste ano, após a realização das quatro oficinas, convidando mais professores que se sentirem motivados a participar deste debate necessário nos tempos atuais.

Fonte: Rede Marista e Diocese de Rio GRande

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.