Notícias › 21/05/2019

55ª Romaria em honra aos beatos Manuel e Adílio

“Eis que faço novas todas as coisas.”

O 3º final de semana de maio marcou mais uma vez a comunidade de Nonoai.  Aproximadamente 70 mil pessoas, entre os dias 17,18 e 19 de maio tomaram parte na 55ª Romaria Penitencial em honra a Nossa Senhora da Luz e Beatos Manuel e Adílio, no 12º ano de sua beatificação.

 “Amar como Jesus amou não é fácil, é um grande desafio para os cristãos”, ressaltou o bispo Dom Antônio Carlos Rossi Keller, em sua homilia, na Santa Missa deste domingo (19/05), ao comentar o grande exemplo dos Beatos, ao entregarem suas vidas por amor a Igreja e aos irmãos, convocando todos “fazer novas todas as coisas”, como pediu a leitura do livro do Apocalipse 21;5, na liturgia deste domingo.

Durante as noites de celebração da novena que teve como tema geral: Com Maria e os Beatos Manuel e Adílio viver e testemunhar a graça sacramental, a participação foi intensa, culminando com as celebrações do sábado e domingo, principalmente as realizadas no palco externo.  A multidão tomou a rua, a praça e o calçadão em frente ao Santuário. Inúmeros atendimentos as confissões e bênção da saúde foram realizados.

Ao longo dos 55 anos de romarias percebemos que Nonoai se tornou um dos maiores centros religiosos do Rio Grande do Sul, recebendo em média, 50 mil romeiros durante o evento e outros tantos durante ano todo, mais de 800 voluntários se colocam à disposição, integrando várias equipes de trabalho. Além dos padres do Santuário, outros da Diocese também têm um importante papel, nas celebrações durante os dias de novena, nas missas e nos atendimentos as confissões e bênçãos durante a Romaria.

São pessoas de todas as classes sociais, que aqui vem para pagar suas promessas ou em busca de graças, e todos, sem distinção, esperam pelo milagre que concederá aos Beatos a Canonização.

15ª edição da Cavalgada da Fé

A 15ª edição da Cavalgada da Fé em honra aos Beatos Manuel e Adílio aconteceu de 11 a 18 de maio, partiu de Três Passos no sábado, após o acendimento e bênção de envio da chama crioula.

A Cavalgada passou por 12 municípios incluindo Três Passos e Nonoai e seguiu um roteiro organizado e estabelecido pelo coordenador Cézar Heck, juntamente com as comunidades.

A chegada em Nonoai aconteceu no sábado (18), às 10h30, os cavalarianos foram acolhidos pela patronagem do CTG Sentinela do Pampa e pelo Padre Evanglésio Beguilini. Às 15h00 o padre Gilmar Zanatta, que acompanhou a Cavalgada presidiu a Santa Missa, com a chama crioula foi aceso o Círio no Altar. Como nos outros anos um dos pontos fortes da Cavalgada foram as celebrações Eucarísticas realizadas nas comunidades onde os cavalarianos foram acolhidos para o pouso e mais uma vez este ano plantaram uma árvore em cada comunidade

Texto: Padre Aldoir e Sandra Aparecida Zanatta Müller

Fotos: Sandra Aparecida Zanatta Müller

Assessora de Comunicação do Santuário Nossa Senhora da Luz Beatos Manuel e Adílio