VATICANO › 01/08/2019

Dom Jaime é reconduzido à Congregação para os Institutos de Vida Consagrada do Vaticano

O papa Francisco confirmou, pela segunda vez, o nome do arcebispo da arquidiocese de Porto Alegre (RS), dom Jaime Spengler, primeiro vice-presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), como membro da Congregação para os Institutos de Vida Consagrada e Sociedades de Vida Apostólica da Santa Sé, no Vaticano. O documento de nomeação, conforme informou em carta enviada pelo cardeal brasileiro João Braz de Aviz, prefeito da Congregação, foi assinado pelo cardeal Pietro Parolin, secretário de Estado.

Segundo dom Jaime, a confirmação de seu nome é uma oportunidade para  continuar colaborando com a referida Congregação na reflexão e indicação de linhas de ação para acompanhar e promover a vida consagrada. “Não se pode esquecer que a vida consagrada é um dom de Deus à sua Igreja; ela é um elemento decisivo para a missão da Igreja. Seus elementos constitutivos são parte integrante da vida da Igreja”, disse.

O arcebispo de Porto Alegre (RS) reforça que os Institutos de Vida Consagrada e as Sociedades de Vida Apostólica estão presentes no Brasil desde sua descoberta, no século XVI, marcando presença desenvolvimento da obra evangelizadora da Igreja no imenso território nacional. O primeiro vice-presidente da CNBB acredita que sua nomeação pode ser vista como reconhecimento desta longa história.

O religioso falou de um grande desafio que precisa ser enfrentado na atuação da Congregação: uma crise no seio da vida consagrada em diversos lugares e também no Brasil, com um acentuado declínio no número de candidatos a essa forma de vida por um lado; e de outro, expressivo aumento da média de idade dos membros dos diversos entes. “Animar essa forma de vida requer criatividade, ousadia, senso eclesial e fé”, afirmou.