SÍNODO DOS BISPOS › 26/03/2019

O Sínodo dos Bispos, a opção pelos jovens e o projeto IDE. Breve chave de leitura

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) no ano de 2011 aprovou em Assembleia Geral a criação da Comissão Episcopal Pastoral para a Juventude (CEPJ), que tem a missão de acompanhar o trabalho de evangelização da juventude na Igreja no Brasil.

Em 2017 foi aprovado o Projeto IDE, que tem cinco eixos a serem desenvolvidos na evangelização das juventudes no Brasil até o ano 2020: Missão, formação, estruturas de acompanhamento, ecologia integral e políticas públicas. São ações inspirados em Jesus, na Palavra de Deus, na Doutrina Social da Igreja, no magistério de Papa Francisco, nas decisões do Sínodo dos Bispos: Os jovens a Fé e o discernimento vocacional e do Sínodo da Amazônia. O Projeto IDE pode ser encontrado e feito download em www.jovensconectados.org.br.

Nos dias 03 a 28 de outubro de 2018, no Vaticano, aconteceu o Sínodo dos Bispos, e foi tornado público o Documento Final, que pode ser encontrado em www.edicoescnbb.com.br e demais livrarias católicas.

O texto que escrevemos tem por base o Documento Final do Sínodo dos Bispos e sua iluminação para o trabalho de evangelização das juventudes em nosso país, e é uma breve chave de leitura que ajuda a iluminar nossa opção pelos jovens e nosso serviço aos jovens no Brasil, especialmente através do Projeto Ide.

Dom Vilsom Basso, SCJ
Bispo de Imperatriz – MA
Presidente da Comissão Episcopal Pastoral para a Juventude da CNBB

CARTA DOM VILSOM – SINODO