WEBMAIL

Campanha da Fraternidade

 

A Campanha da Fraternidade é, desde as suas origens, uma ação evangelizadora da Igreja do Brasil, uma expressão eloquente da necessária e desejada Pastoral de Conjunto. Não é uma ação desta ou daquela pastoral, desta ou daquela comunidade, paróquia ou Diocese, mas de toda a Igreja Católica.

Temos convicção que “evangelizar é renovar toda a vida da sociedade a partir de dentro, não de maneira decorativa, como aplicando um verniz superficial, mas de maneira vital, em profundidade e até às raízes, à cultura e às culturas do homem, modificando, pela força do Evangelho, os critérios de julgar, os valores que contam, os centros de interesse, as linhas de pensamento, as fontes inspiradoras e os modelos de vida da humanidade” (cf. DPb, n. 338,1239; EN, n. 18-20), podemos afirmar, com toda certeza, que a CF é uma campanha de evangelização.

Desde o início, em 1962 na Arquidiocese de Natal (RN), e depois, a partir de 1964 em todo o Brasil, nunca faltou à CF essa preocupação com o tema, para que, em ambiente quaresmal, se alcance o coração dos cristãos, fazendo-lhes retornar ao coração do Evangelho.

A CF tem clara consciência de ser uma campanha quaresmal — e assim foi desde o começo — que une em si as exigências da conversão, da oração, do jejum e da esmola vividas na linha de uma questão humana e social relevante para o país como um todo. Assim, esta Campanha convoca os cristãos a uma maior participação nos sofrimentos de Cristo como possibilidade de auxílio aos pobres, iniciando na Quaresma e ressoando pelo ano todo (cf. Doc. CNBB 34, n. 4.3).

“A Campanha da Fraternidade é o modo brasileiro de celebrar a Quaresma. Ela não esgota a Quaresma. Dá-lhe, porém, o tom, mostrando, a partir de uma situação bem específica, o que o pecado pode fazer quando não o enfrentamos. Por isso, a cada ano, recebemos um convite para viver a Quaresma à luz da Campanha da Fraternidade e viver a Campanha da Fraternidade em espírito de conversão pessoal, comunitária e social” (CF 2023: Texto-Base, Apresentação). Este ano o Tema o tema da Campanha é “Fraternidade e Amizade Social” e o Lema é “Vós sois todos irmãos e irmãs” (cf. Mt 23,8).

Oração da Campanha da Fraternidade

Deus Pai, vós criastes todos os seres humanos com a mesma dignidade. Vós os resgatastes pela vida, morte e ressurreição do vosso Filho, Jesus Cristo, e os tornastes filhos e filhas, santificados no Espírito. Ajudai-nos, nesta Quaresma, a compreender o valor da amizade social e a viver a beleza da fraternidade humana aberta a todos, para além dos nossos gostos, afetos e preferências, num caminho de verdadeira penitência e conversão. Inspirai-nos um renovado compromisso batismal com a construção de um mundo novo, de diálogo, justiça, igualdade e paz, conforme a Boa Nova do Evangelho. Ensinai-nos a construir uma sociedade solidária, sem exclusão, indiferença, violência e guerras. E que Maria, vossa Serva e nossa Mãe, nos eduque, para fazermos vossa santa vontade. Amém!

 

Dom José Mário Scalon Angonese – Bispo Diocesano de Uruguaiana