WEBMAIL

Pés a caminho

“Os olhos se abriram na fração do pão, e os discípulos partiram imediatamente de volta para Jerusalém. Esse rápido retorno, compartilhando a alegria de encontrar o Senhor com os outros, demonstra que ‘a alegria do Evangelho enche o coração e a vida daqueles que se encontram com Jesus. Aqueles que são salvos por Ele são libertos do pecado, da tristeza, do vazio interior e do isolamento. Com Jesus, a alegria renasce continuamente.’.

Não podemos encontrar Jesus ressuscitado e não sentir o desejo de compartilhar nossa experiência com todos. O recurso principal da missão é a experiência daqueles que reconheceram Cristo ressuscitado nas Escrituras e na Eucaristia, carregando o fogo em seus corações e a luz em seus olhos.

A imagem ‘pés a caminho’ nos lembra mais uma vez da importância perene da ‘missio ad gentes’ confiada à Igreja pelo Senhor ressuscitado: evangelizar todas as pessoas e todos os povos até os confins da terra. Hoje, mais do que nunca, a humanidade, afligida por injustiças, divisões e conflitos, precisa da Boa Nova da paz e da salvação em Cristo.

Todos têm o direito de receber o Evangelho, e aos cristãos cabe o dever de anunciá-lo, não como uma imposição, mas como um compartilhamento de alegria, apontando para um horizonte maravilhoso e oferecendo um banquete atrativo. A conversão missionária continua sendo o objetivo primordial para todos nós, como indivíduos e comunidades, porque ‘a ação missionária é o modelo de toda a obra da Igreja.’

Todos podem contribuir para o movimento missionário através da oração, ação, doações financeiras e oferecendo seus próprios testemunhos. A urgência da ação missionária da Igreja requer naturalmente uma cooperação missionária cada vez mais estreita de todos os seus membros, em todos os níveis.

Sigamos adiante com corações ardentes, olhos abertos e pés a caminho, para incendiar outros corações com a Palavra de Deus, abrir os olhos para Jesus na Eucaristia e convidar outros a se juntarem a nós no caminho da salvação e da paz oferecida à humanidade.”

Dom Jaime Pedro Kohl – Bispo de Osório