Artigos, Bispos › 18/06/2020

A Maravilha do Rádio

O rádio continua em nossos dias a ser um meio poderoso de comunicação social, pois penetra os lares, os rincões mais afastados, os carros e, por que não, os corações? É um veículo de comunicação popular e acessível a todas as idades e ambientes. É só observar os motoristas e viajantes de carros, as donas de casa no seu trabalho diário, o leiteiro no curral, o lavrador na lavoura, os doentes em casa, o aposentado no seu lazer. Todos apreciam as notícias, orações, músicas, propagandas e informações com a companhia amiga e interativa dos comunicadores através dos pequenos rádios e celulares.

Anos passados, quando surgiu a televisão, julgava-se que o rádio acabaria. A realidade mostra que ele é insubstituível no tempo e no espaço, bem como na cultura, educação, música, instrução popular e esportes.

Para inúmeras pessoas o rádio traz a alegria de poderem acompanhar, pelas suas ondas, o anúncio da Palavra de Deus, as Santas Missas irradiadas, a pregação, a oração do terço e outros programas formativos e informativos.

Nossa Arquidiocese de Santa Maria muito investiu na adequação das Rádios Medianeira FM 100.9 e FM 102.7 em Santa Maria. Além de funcionários bem preparados, investiu em equipamentos modernos e instalações adequadas para melhor servir toda a região central do Rio Grande do Sul. Com a graça de Deus, em breve, vamos  abençoar as novas instalações.

São tantas as instruções religiosas, as palavras do bem e da verdade que o rádio divulga, com abundantes frutos para o aconselhamento, o progresso e a paz.

Quantas coberturas e reportagens realizadas nos lugares onde acontecem os fatos, as promoções e os eventos sociais e religiosos! Quantos diálogos, sugestões, críticas e propostas passam através das nossas rádios. Muitos profissionais realizam belas interações com os ouvintes, com instituições mais variadas, para ajudar a conhecer, esclarecer e solucionar problemas visando o bem da sociedade.

Agradecemos e oramos pela Direção, por todos os comunicadores, voluntários, patrocinadores e os queridos ouvintes que são a razão de ser destes meios de comunicação para o progresso, a paz, a formação humana, cristã e cultural.

Dom Hélio Adelar Rubert – Arcebispo de Santa Maria