Notícias › 14/10/2020

Na 69ª Romaria de Fátima, fiéis acompanham missas pelas redes sociais e rádios

A manhã do segundo domingo do mês de outubro, dia 11, amanheceu bem calma em Cruz Alta. Situação diferente de anos anteriores, quando as ruas da cidade, ainda na madrugada, ficavam lotadas de romeiros devotos de Nossa Senhora de Fátima. Neste ano, a Romaria ao Santuário Diocesano Nossa Senhora de Fátima, devido a pandemia do Covid-19, foi totalmente online.

Uma romaria diferente, mas, ainda assim, uma romaria de muita fé. Ao invés de 150 mil romeiros, como tradicionalmente acontece, foram contabilizadas centenas de cliques, curtidas e milhares de visualizações durante as transmissões das missas.

Este fator mostra que a fé em Nossa Senhora de Fátima está no coração de cada fiel, que acompanhou, de casa, a transmissão das missas. A família Pereira, por exemplo, acompanhou, de casa, todos os momentos. Da cidade de Salto do Jacuí Neuza e Osmar participam todos os anos da romaria, mas, pela primeira vez, puderam acompanhar as missas da novena. “Acompanhamos pelo YouTube, na tv aqui de casa. Foi muito emocionante poder estar participando de todos os momentos”, conta Neuza.

Contando a novena e o dia da festa da romaria, foram celebradas 13 missas, todas na capela do Santuário e sem a presença do povo. Todas as celebrações, inclusive a bênção do Santíssimo e da Saúde, foram transmitidas pelas redes sociais da diocese e pelas rádios da cidade e região diocesana.

Para Dom Adelar Baruffi a avaliação é positiva, diante da situação atual. “Conseguimos chegar até as pessoas que estavam em casa, os nossos diocesanos. Conseguimos através dos meios de comunicação, congregar a todos. Deus seja louvado por isso. Queremos também recordar a importância do que refletimos durante estes dias, que foi sobre Maria, que é para quem olhamos e pedimos sua intercessão. Ela nos ensina a olharmos nossa vida não como aquela que basta a si mesma, mas aquela que encontra o sentido em Deus e pergunta a Ele qual a missão que tem a realizar”, destaca Dom Adelar.

Após a missa principal, Dom Adelar consagrou toda a Diocese, as 31 paróquias, à Nossa Senhora de Fátima.

Pelas ruas da cidade

A imagem de Nossa Senhora de Fátima foi levada às ruas em procissão motorizada, passando pelos bairros da cidade no intervalo entre a missa das 8h e das 10h da manhã. Um momento de muita emoção para todos, especialmente aos casais organizadores deste ano.

Para o casal de organizadores, Rogério e Adriana DelaMéa, este foi um momento que ficará marcado na memória para sempre. “Estamos com o coração apertado, muito emocionados, mas com o sentimento de dever cumprido. Acredito que conseguimos atingir nosso objetivo dentro das possibilidades. Estamos muito felizes com o resultado”, enfatiza.

Como encerramento, um terço gigante, feito com balões foi solto ao vento, levando esperança de dias melhores a todos.

Com informações da Diocese de Cruz Alta