Notícias › 21/07/2020

Mensageiro da Caridade lança campanha emergencial

Ação da Arquidiocese de Porto Alegre para arrecadação de 450 cestas básicas atenderá Regiões das Ilhas e Vilas Maria da Conceição e Cruzeiro, em Porto Alegre

O período de isolamento social, necessário em função da pandemia da COVID-19, e as constantes chuvas agravaram ainda mais a situação das famílias em situação de vulnerabilidade social em Porto Alegre e região. Em função disso, a Cáritas/Mensageiro da Caridade organizou ações nas regiões das Ilhas e vilas Maria da Conceição e Cruzeiro, em Porto Alegre, para atender, nas próximas semanas, cerca de 450 famílias que foram cadastradas e passaram por triagem prévia.

A campanha “A doação de uma ‘cesta’ é uma forma ‘básica’ de amar” foi lançada nesta terça (21) com o objetivo de suprir a demanda das famílias atendidas. A meta é arrecadar as 450 básicas por meio de doações em dinheiro, que podem ser feitas por boleto bancário ou cartão de crédito. A tecnologia da arrecadação online é da empresa OKPago, que zerou suas taxas de lucro para esta ação pela primeira vez em quatro anos de operação.

Link da Campanha Emergencial: https://bit.ly/cestabasicamensageiro

Por que ajudar?

Há mais de 60 anos, o Mensageiro da Caridade sempre sustentou suas atividades sociais graças ao bem sucedido ciclo solidário que inicia com a generosidade de quem faz a doação de um eletrodoméstico ou móvel estragado ou em desuso. Os bens recebidos ou recolhidos pelos caminhões da entidade são transformados por mão-de-obra formada gratuitamente em suas oficinas, e doados ou vendidos na loja física localizada na Av. Ipiranga, em Porto Alegre. Com a suspensão da comercialização destes bens, em razão da pandemia, houve redução de 90% as receitas que sustentam seus projetos sociais.

“Todos os valores que entram são utilizados para pagar a folha de pagamento e viabilizar os projetos sociais. Apesar de todo empenho, estamos com muita dificuldade em atender tantas pessoas que, tradicionalmente, já contavam com a nossa ajuda. Nossa expectativa é que possamos contar com o apoio de todos para seguir com esse trabalho social, inclusive, após superado este período da pandemia”, afirmou o Diretor Executivo da Cáritas Arquidiocesana, Luís Carlos Campos.

Assistência suspensa

Na Vila Maria da Conceição, em Porto Alegre, o Mensageiro da Caridade mantém o Centro Social de Cultura e Arte Padre Irineu Brand, que, antes da pandemia, atendia diariamente cerca de 250 crianças e adolescentes, com formação humana, alimentação, oficinas diversas como artes, música, informática, dança, reforço escolar, proporcionando o desenvolvimento social e intelectual. Além deles, outros 90 idosos eram atendidos com alimentação e diversas oficinas no Centro Social Santa Clara, também na Vila Maria da Conceição. Na Vila Cruzeiro, a entidade atendia 25 idosas com o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos e 24 adolescentes, com idades entre 13 e 17 anos, no curso de Padaria, visando a inclusão e preparação para o mercado de Trabalho.

Mais informações: https://ajude.mensageirodacaridade.org/

Fonte: Arquidiocese de Porto Alegre