Notícias › 16/05/2019

Pastoral da Criança da diocese de Erexim aprofunda leitura orante da Bíblia

Representantes paroquiais da Pastoral da Criança participaram do encontro de formação nesta segunda-feira, 13 de maio, no centro diocesano de pastoral.

A coordenadora diocesana, Marinês Agnoletto, conduziu o momento inicial de oração, com profunda reflexão a passagem do evangelho de João 10, 1-10, na qual Cristo se diz o Bom Pastor que veio dar vida em abundância a todos, realizada pelo Padre Giovani Momo, ressaltando o amor e a confiança entre o pastor e as ovelhas. Ele salientou também quanto é importante, a cada dia, as líderes da Pastoral da Criança reverem seu comportamento, sobretudo na proximidade, na compreensão e na partilha com as famílias acompanhadas. Concluiu enfatizando que “Jesus mesmo é a porta que se deve deixar-se conduzir por Ele”.

Padre Jóssi Golembiewski, Pároco da Paróquia São Francisco de Assis, Bairro Progresso, destacou a importância do trabalho realizado pela Pastoral da Criança.

Com assessoria da Irmã Geneci Dalmagro, o grupo realizou estudo sobre a Leitura Orante da Bíblia para compreender melhor a sua mensagem. Ela não é somente um livro que nos permite mais conhecimentos. A Bíblia é principalmente um espaço onde somos convidados a conversar com Deus. Por isso, a Igreja convida a fazer a chamada “Leitura Orante” da Bíblia. Normalmente, é apresentada em quatro passos: leitura (o que o texto diz em si), meditação (o que o texto diz para mim, hoje), oração (o que o texto me faz dizer a Deus) e contemplação (como o texto me faz olhar a vida, tomar decisões, assumir compromissos). Evidentemente, antes de tudo, cada texto precisa ser bem compreendido. Muitas vezes nem se percebe que certas frase e palavras, por serem de outro tempo e cultura, podem ser estranhas para nossa época.

Dom José, ao falar aos participantes, agradeceu o esforço e dedicação de cada líder e incentivou a serem perseverantes em sua missão, superando as dificuldades e limitações.

A coordenadora diocesana repassou orientações recebidas da coordenação estadual, na última reunião do Núcleo Norte.

Finalizando, as coordenadoras paroquiais partilharam as ações que estão sendo realizadas e que constam do planejamento anual paroquial. Nesse contexto, assumiram dois importantes compromissos: organizar calendário no qual constem as datas das celebrações da vida em cada comunidade e data da reunião de reflexão e avaliação a ser realizada na paróquia e enviar às suas respectivas secretarias paroquiais; formar grupo de crianças acompanhadas pela Pastoral, para a oração do terço, conforme a realidade de cada comunidade.

Fonte: Assessoria de Comunicação da Diocese de Erexim