Artigos, Bispos › 19/11/2021

Um Rei servidor!

Estimados irmãos e irmãs em Cristo Jesus. Celebramos na Igreja, comunidade de fé, a Solenidade de Nosso Senhor Jesus Cristo, Rei do Universo. Num primeiro momento ou até de forma superficial, podemos associar o reinado de Cristo com as realidades terrenas, onde o poder submete pela força os mais fragilizados, tirando-lhes a possibilidade de viverem a vida com a dignidade de filhos e filhas amados de Deus.

Quando falamos do reinado de Nosso Senhor Jesus Cristo, não podemos partir das realidades do mundo para entendê-lo, pois estaríamos reduzindo a sua realeza divina e universal a um contexto de domínio meramente humano, de poder e submissão, de senhor e súdito. O seu reinado nasce da sua fidelidade ao projeto de amor do Pai, do entregar a própria vida para que todos tenham vida, e vida em abundância. É um reinado de amor-serviço, como nos lembra as palavras do Evangelho: “o Filho do Homem não veio para ser servido, mas para servir, e dar a sua vida em resgate de muitos” (Mc 10, 45).

O reinado de Cristo pode nos questionar como questionou Pilatos, que tinha uma concepção do ser rei segundo a lógica do mundo, do poder e da força. Jesus seguia a lógica do Evangelho. O ser rei, nessa lógica, é defender a dignidade e a vida do outro, porque filho e filha de Deus; é aquele que serve, aquele que está entre o povo, tem um olhar de compaixão por aqueles que sofrem e, no fim, entrega a própria vida na cruz. Gesto marcado pelo sofrimento e pela dor, gesto carregado de amor. Amor por cada um de nós.

Mesmo nos momentos mais difíceis da história da humanidade, o reinado de Jesus Cristo será visível na história da nossa vida, da nossa família, da nossa comunidade e no mundo, quando tratamos o outro com amor e dignidade. Eu não posso pretender ser filho de Deus quando não levo em consideração que o mesmo Deus, que é Pai para mim, o é também para o meu irmão. Deixemos Nosso Senhor Jesus Cristo, Rei do Universo, reinar em nossos corações, para podermos, também um dia, participar do seu Reino de glória.

Dom José Gislon, OFMCap. – Bispo Diocesano de Caxias do Sul